Produtos naturais, doçuras sem pecado

Fruta seca e mel podem substituir o açúcar na confeção de doces. Há receitas saudáveis para inspirar os concorrentes do Brincar na Cozinha com Teka.

Texto de Marisa Silva

Sem culpa e com amor. O lema, afixado na Tâmaras, espelha o estilo da pastelaria. Na montra há doces vegan, sem açúcar branco nem glúten. Os brownies e as trufas levam adoçantes naturais para equilibrar o sabor e dar energia a quem os come. Nas confeções de Mariana Gritsas, proprietária da loja, a fruta seca é um dos ingredientes chave para conferir saúde à doçaria.

Na batalha contra o açúcar refinado há substitutos que se tornam poderosas armas, como o mel, o açúcar de coco ou a banana madura. “O açúcar branco é muito inflamatório e causa picos de glicemia. Além disso, há produtos industrializados que têm o açúcar camuflado para realçar o sabor e aumentar a vontade de comer”, defende Mariana Gritsas. Aberta há um ano nas Galerias Lumière, no centro do Porto, a Tâmaras adoça pais e filhos. E os mais novos com restrições alimentares não escondem o brilho no olhar ao perceberem que podem comer tudo o que está exposto. “Normalmente, aconselho as trufinhas que são feitas com fruta.”

As dificuldades em encontrar sítios adequados às suas preocupações nutricionais levaram Patrícia Machado e o companheiro, Pedro Dias, a abrir a Despensa N.º6, em Lisboa. A pastelaria tem produção própria e é certificada pela Associação Portuguesa de Celíacos. “Educar o paladar das crianças desde cedo é muito importante e elas podem levar as suas próprias refeições para a escola”, realça Patrícia.
Produtos frescos e biológicos

A par das trufas de cenoura e coco, comercializadas na Despensa N.º6, os coquinhos de Filipa Range, autora do projeto A Cozinha Verde, são uma sugestão para rechear a lancheira em dias de trabalho ou de aulas. A gestora de formação, que abraça um estilo de vida vegan, reaprendeu a comer aos 25 anos. “Fazia sobremesas com açúcar e nunca tinha pensado em alternativas. Para deixar de comer, deixei de o comprar. Quanto às bolachas e aos snacks empacotados, tenho o cuidado de olhar para a lista de ingredientes.”

Tanto Filipa Range como Mafalda Agante, autora da marca Há Alguém Mais Gulosa do Que Eu?, disponibilizam serviços de catering online. A exigência de Mafalda Agante na escolha dos ingredientes salta à vista nos cozinhados que vende. “Pior do que o açúcar que usamos em casa são os produtos processados que encontramos à venda e que apresentam intensificadores de sabor. Se as pessoas não puderem comprar só [produtos] biológicos, optem pelos frescos, pelas frutas e pelos legumes sazonais”, aconselha.

A um mês do Natal, o bolo de cenoura, coco e manteiga de amendoim é uma das iguarias que pode chegar à mesa. Criado por Mafalda, leva açúcar de coco biológico, caracterizado por ter um baixo índice glicémico e um elevado teor de minerais. Serve ainda de inspiração aos concorrentes do Brincar na Cozinha com Teka.

De regresso ao Norte, naTâmaras procura-se aliar a tradição à saúde na consoada. Oferecem-se versões mais saudáveis do Ferrero Rocher e trufas embaladas numa bola de acrílico. O bolo-rei, um dos produtos mais procurados na quadra que se aproxima, também tem um substituto. “O bolo natalício leva frutos secos e a textura é diferente. Nem sempre é possível copiar o tradicional, mas é bom descobrir novas formas de obter um sabor”, revela a brasileira Mariana Gritsas.

Bolo de Cenoura e Coco – receita de Mafalda Agante

Foto: Diogo Agante

Ingredientes para o bolo:
4 ovos
200 g cenoura picada crua
200 g açúcar de coco
100 g farinha de coco
50 g coco ralado
50 g farinha sem glúten
50 g óleo de coco
1 colher de sobremesa de fermento em pó
1 colher de sobremesa de bicarbonato de sódio

Ingredientes para a cobertura:
5 colheres sopa de manteiga de amendoim biológica
1 colher sopa de xarope de ácer ou mel
Amendoins sem sal

Preparação do bolo:
Preaquecer o forno a 170° C. Untar uma forma de bolo inglês com óleo de coco. Polvilhar com farinha sem glúten. Bater os ovos com o açúcar de coco. Juntar o óleo de coco e a cenoura picada. Misturar os restantes ingredientes. Verter na forma e levar ao forno durante 30 minutos. Deixar arrefecer e desenformar.

Preparação da cobertura
Misturar os ingredientes e aplicar no bolo. Decorar com amendoins.

 

Estrelinhas – receita de Mariana Gritsas

Foto: Igor Martins/Global Imagens

Ingredientes para a base:
200 g fruta seca (alperce, tâmara, uva passa, ameixa, figo, etc.)
50 g frutos secos (avelã, amêndoa, nozes, coco, caju, etc.)
10 g para decorar (coco, morango liofilizado, cacau, beterraba, açaí, etc.)

Preparação da base:
Junte a fruta e os frutos secos no processador e triturar até que forme uma massa (como plasticina). Abra a massa com ajuda de um rolo e utilize um cortador em forma de estrela. Envolva as estrelinhas com o ingrediente escolhido para decorar.
Nota: Rende aproximadamente 15 estrelinhas. Durabilidade média de 30 dias.

Alperce e coco
Ingredientes:
200 g de alperce
60 g de coco ralado

Preparação:
Reserve 10 g do coco para a decoração. Junte o restante num processador e triture até que os ingredientes formem uma massa. · Abra a massa com a ajuda de um rolo e utilize um cortador em formato de estrela. Envolva as estrelas com o restante coco ralado.

Tâmara e morango
Ingredientes:
200 g de tâmara
50 g de amêndoa
10 g de morango liofilizado para decorar

Preparação:
Junte as tâmaras e as amêndoas num processador e triture até que os ingredientes formem uma massa. Abra a massa com a ajuda de um rolo e utilize um cortador em formato de estrela. Triture o morango liofilizado e envolva as estrelinhas.

Tâmara e cacau
Ingredientes:
200 g de tâmara
50 g de amêndoa
10 g de cacau em pó para decorar

Preparação:
Junte as tâmaras e as amêndoas num processador e triture até que os ingredientes formem uma massa. Abra a massa com a ajuda de um rolo e utilize um cortador em formato de estrela. Envolva as estrelinhas com o cacau em pó.

 

Coquinhos – receita de Filipa Range

Ingredientes:
¼ de chávena (40 g) de cajus crus sem sal
½ chávena (100 g) de tâmaras
½ chávena (40 g) de coco ralado + para polvilhar

Preparação:
Coloque as tâmaras descaroçadas de molho em água quente por 10 minutos. Triture os cajus num processador até obter um granulado húmido. Adicione as tâmaras previamente hidratadas e cortadas em pedaços pequenos, o coco ralado e triture até que a massa ligue (deverá formar uma bola dentro do processador). Forre uma forma pequena e quadrada (11 × 11 cm) com papel vegetal. Distribua a massa pela superfície da forma e compacte-a bem. Polvilhe com coco ralado e leve ao frigorífico por 1 hora. Corte em 6 partes iguais e guarde no frigorífico (até uma semana) ou congele.

 

Trufas de Cenoura e Coco – receita de Patrícia Machado

Ingredientes:
3 cenouras
1 chávena de avelãs
1 chávena de nozes
2 chávenas de tâmaras medjool
2 chávenas de coco ralado
2 colheres de sopa de chia
2 colheres de sopa de linhaça
3 colheres de chá de canela

Preparação:
Colocar as cenouras no robô de cozinha e pulsar até ficar em pedaços pequenos. Juntar os frutos secos e pulsar novamente até ficar uma pasta. Adicionar os restantes ingredientes e triturar até formar uma massa homogénea. Dividir a massa em bolinhas de 20 g e cobrir com coco ralado. Reservar no frio.

 

Bitnami